Entrar

Roteiro Paris 7 dias

Roteiro Paris 7 dias

  • Taxi do aeroporto para o hotel – mais ou menos 50 Euros.

     

    Traiteur – espécie de loja delikatessem que vende comida fina pronta.

     

    Menu Prix Fixe ou Formule – espécie de cardápio que você escolhe 1 entrada, 1 principal e 1 sobremesa por um preço determinado. Vale à pena.

     

    Terrine de canard au porto – mousse de fígado de pato ao vinho do porto.

    Comprar um pedaço em um traiteur e levar para o hotel para comer com baguete.

     

    Cannard – pato, carne super saborosa, experimentar.

     

    Escalope de veau á la creme – bife de vitela com molho cremoso, delicioso !

     

    Ris de veau – timo de vitela, não pedir é uma víscera, eu detesto.

     

    1º dia

     

    Passear na “praça” da Madeleine (igreja que parece um teatro romano), visitar a igreja, fica aberta até as 19:00 horas.

    Sobre a igreja: É o grande templo de Napoleão. Sua construção foi iniciada em 1764, mas só foi consagrada em 1845. Uma colunata de colunas coríntias circunda o prédio, o interior é todo decorado em mármore e dourado, com algumas belas esculturas, como o batismo de Cristo e Maria Madelena subindo ao céu.

     

    Almoçar na Maison de La Truffe – (19, Place de la Madeleine, 75008) fica na mesma praça e é especializada em trufas (fungos aromáticos, encontrados apenas na França e Itália, iguaria impossível de ser cultivada, considerada ouro gastronômico).

    São poucas mesas, o cardápio é pequeno e simples, mas tudo muito bom e obviamente, com TRUFAS! Já comi um prato defrango que gostei lá – POULET, e uma massa com trufas – Pasta ou Pâte et truffes.

    Ali também se encontram as 2 maiores lojas de gastronomia da França – Fauchon (26, Place de la Madeleine)  e  Hédiard  (21, Place de la Madeleine). Visitar ambas, ver todos os produtos maravilhosos do mundo todo, é realmente um passeio turístico conhecer estas lojas.

    Comprar umas tortinhas e um vinho para comer no hotel, pois vão estar super cansados já no fim da tarde, com fuso horário e viagem.

     

    2º dia

    Manhã – Louvre         

    Aberto de 9:00 às 18:00 – entrada pela pirâmide – custo:  9 Euros.

    Selecionar antes as obras ou época que deseja ver e ir diretamente para lá.

    * Importante: Não dispersar antes de chegar à obra que selecionou para ver. O Louvre e imenso, este e um conselho para aproveitar bem a visita, caso contrario sairá de lá cansado e com uma sensação de não ter aprendido nada, devido ao volume de obras.

     

     

    Fim de tarde –

    Ficar quantas horas desejar e ao sair fazer um maravilhoso lanche na Casa de chá Angelina – 226 Rue de Rivoli

    Provar o chocolate quente africano e os macarrons (biscoitos casados de amêndoas com recheios de sabores variados).

     

    Noite  –

    Passear à pé pela Place Vendôme. Ela é linda, tem formato  quadrada, ver as vitrines das mais elegantes joalherias do mundo.

    Depois Place de la Concorde, o Arco do Triunfo e Champs Elisées, – aqui você pode comprar presentinhos simples, nas lojasMonoprix ou Prisunic .

    Visitar também a loja da Sephora (loja com um design lindo, com perfumes e maquillagem de todas as cores e marcas).

     

    Depois tomar uma taça de vinho ou cerveja em algum café doChamps ou apenas apreciar a Avenida mais famosa da Europa.

     

    3º dia

    Manhã – Torre Eiffel

    Tarde

    Almoçar em algum café, com vista para o rio Sena por exemplo.

    Fazer passeio no Bateau Mouche,, sem ser jantar  obrigatório por7 Euros. Continuo achando melhor fazer apenas o passeio, sem aquela comida ruim, pois, aliás, vocês querem apreciar a vista e não ter de ficar comendo,né?

    Noite –

    Jantar  no Ledoyen – –  Jantar de alta gastronomia. É 3 estrelas Michelin, então é caríssimo, mas uma excelente dica é ir no almoço, o menu é menor, mas custa menos da metade e a qualidade obviamente a mesma. Fica em um palácio lindíssimo no Champs Elisées mesmo. Tem que fazer reserva.

    Pavillon Ledoyen 1, avenue Dutuit –  Paris 8ème 01 53 05 10 00

    Métro Champs-Elysées.

     

     

     

     

    4º dia

    Manhã – Marais

    Quando estiver indo para o Marais, passar na Place de la Bastille, a Ópera nova fica lá, o prédio é lindo !

    Marais é um antigo bairro judeu. Hoje está super na moda, tem lojas pequenas super charmosas e modernas com coisas de design. A praça mais bonita é a Place des Vosges, ela é quadrada, fechada por prédios de tijolinhos, cheia de galerias de arte, restaurantes e lojas.

    Sugestão para almoçar: Restaurante Baracane – 38, Rue des Tournelles ( restaurante simpático, com boa comida e preço razoável, que fica na região).

    Tarde –

    Lojas e compras – no próprio Marais vocês vão ver coisas lindas, mas se desejarem lojas grandes as maiores estão a seguir:

    Les Galleries Lafayette – 40, boulevard Haussmann 9éme é linda, vale conhecer, mas cara, só dá para comprar se estiver liquidando.

    Gosto muito da Kookai (moderna e jovial) – 155, rue de Rennes- Paris 75006

    La Samaritaine – 19, rue de la Monnaie 75001 Paris. Nunca freqüentei a Samaritaine, mas é um Grand Magazin, tem de tudo.

     

    5º dia

    Manhã – Jardin du Luxembourg

    Jardim lindo, de 1612, com um palácio no centro, muito apreciado pelos Parisienses na primavera e outono.

    Subir andando a Rue Soufflot para ver o Panthéon e alguns dos prédios principais da Sorbonne.

     

    Almoçar em algum pequeno restaurante pitoresco nas transversais, tipo Rue Cujas ou Rue Saint Jacques, tem melhor comida, mais francesa e mais barata que os cafés das principais, alguns estudantes da Sorbonne comem por ali.

    Tarde –  Boulevard Saint Michel e Boulevard Saint Germain.

    São as duas avenidas principais da Rive Gauche, adoráveis, mil coisas para ver. É a região estudantil, mas também é chique e moderno. Sair do restaurante e pegar a rua Boulevard Saint Michel até encontrar com o Boulevard Saint Germain.

     

    Aí vocês podem escolher entre as opções a seguir, todas ficam perto:

    Café de Flore – 172 Boulevard Saint-Germain – 75006

    É tradicional, tem toda a fama de clientes intelectuais e artistas, mas hoje é mais turista chique, pois é bem caro devido ao renome internacional.

     

    Notre-Dame – É uma das mais antigas catedrais francesas emestilo gótico, com vitrais maravilhosos. Sua construção foi iniciada no ano de 1163, é dedicada a Maria, Mãe de Jesus Cristo (daí o nome Notre-Dame – Nossa Senhora). A nave de 127 metros de comprimento, 48 metros de largo e 35 metros de altura é rematada em cima por abóbadas sexpartidas e dá o primeiro passo na construção colossal do gótico.

    Na praça Parvis, em frente à fachada da catedral, encontra-se no pavimento uma placa de bronze que representa o ponto zero a partir do qual todas as distâncias das estradas nacionais francesas são calculadas. A tradição é ficar bem em cima desse ponto e fazer um pedido.

     

     

    Bertillon – 31 rue Saint Louis en l’ile 75004 (Na Ilha.)

    Sorvete artesanal mais famoso de Paris, fica perto da Notre-Dame.

    Sugestões: Baunilha de Madagascar, cacau da Costa do Marfin, leite fresco pasteurizado e creme recebidos diariamente, frutas frescas, etc.

     

    Noite

    Carré de L’ ODEON –

    É uma espécie de micro-praça no Boulevard Saint Germain, do outro lado da rua fica a Rue de L’ anciènne Comédie et  Rue Saint André des Arts. 

    Tem muitas coisas legais nesta região, restaurantes, bares, lojas de cartões postais e posters bacanas, lanchonetes gregas para provar SOVLAKI (sanduíche de carneiro em pão árabe com molho de iogurte). Muito divertido para passear e comer de noite.

    6º dia

    Manhã – Versailles – aberto de 9 às 17:00 exceto segundas.

    Palácio e jardins construídos por Luiz XIV.

    Pegar o metro veloz RER – linha C – sentido Versailles Rive Gauche, o trajeto leva cerca de 40 minutos.   Cuidado existem outras estações como nomes parecidos, por exemplo Versailles-Chantiers,  atenção para pegar e descer no nome correto.

    Noite – Montmartre – Bairro famoso pela sua animada vida noturna, já foi ponto de encontro importante de artistas e intelectuais. Modelos, bailarinas e pintores como Degas, Cézanne,Monet, Van Gogh, Renoir e Toulouse-Lautrec freqüentavam o lugar. Hoje, as ruas ainda se animam com artistas e turistas que passeiam pelas ladeiras. No ponto mais alto da colina situa-se aBasílica de Sacré Cœur, onde Napoleão foi enterrado.

     

    7º dia

    Melhor fazer coisas perto do hotel, no dia de ir embora, pois provavelmente tenham que entregar o quarto às 11:00 horas, verificar antes.

    Também precisa chegar 3 horas antes no aeroporto que fica há 1 hora de Paris, então é melhor não deixar muita programação para este dia.

    Apenas um leve e lindo passeio de Bye Bye Paris !

     

    Algumas opções para o último dia:

     Opéra de Paris ( a antiga) – fica na Place de L’ Operá, a construção se chama Palais Garnier, o palácio é lindíssimo, não aceita visitação, mas vale a pena ver por fora. Fica perto do seu hotel.

    Pont Neuf – Esta ponte, apesar do nome (Ponte Nova) é a mais antiga de Paris, que está intacta e atravessa  o Sena, passando pela extremidade ocidental da Île de la Cité,Ela tem um passeio para pedestre.

    Foi a primeira ponte de pedra de Paris (daí o nome), anteriormente eram construídas de madeira. Foi classificada monumento histórico desde 1889.

    Foi construída para ter lojas nas laterais, mas ao final de sua construção o rei Henri IV autorizou apenas vendedores ambulantes a trabalharem lá.

     

    Outras dicas de restaurantes:

     

    Lenotre – Fica no Champs Elisée, em frente ao Ledoyen. Lenotre foi um grande chef Frances e fundou a escola de confeitaria mais famosa da França, que leva os eu nome. Estes cafés/ restaurantes oferecem alguns pratos salgados e diversos e maravilhosos doces, estão presentes em grandes capitais pelo mundo.

     

    Dicas Diversas:

    Maison Bacarat

    Outra boa opção para visitar e o jardim Des Plantes que possui além de um lindo jardim, um museu de historia natural e de mineralogia.

Print Friendly, PDF & Email

2 Responses to Roteiro Paris 7 dias

  1. gustavo 9 de janeiro de 2015 at 8:28 #

    legal

    • Adelaide Engler 9 de janeiro de 2015 at 13:59 #

      Que bom que gostou ! Aproveite !

Deixe uma resposta